Males do Século 21: Síndrome de Lady Widermere

Todos os Planos Amil em um só lugar. Economize até 40% na Linha Adesão!

Males do Século 21: Síndrome de Lady Widermere

Em anos recentes tem crescido o uso da expressão Síndrome de Lady Windermere para designar casos de mulheres com acometimento pulmonar por micobactériores atípicas. O uso deste termo começou quando Reich & Johnson descreveram, em 1992, seis casos do que eles classificaram como nova forma de apresentação clínico-radiológica de infecção pulmonar por micobactérias do complexo avium intracellulare (MAC).

Naquele artigo os autores ressaltavam que, até então, micobacteriores pulmonares eram diagnosticadas principalmente em homens brancos com doença pulmonar prévia, em especial doença pulmonar obstrutiva crônica ou bronquiectasias. Contudo, em meio a 29 casos oriundos da comunidade, os autores acabaram por identificar um grupo de pacientes com características diferentes, eram todas mulheres maduras ou de idade avançada, não exibiam lesões pulmonares prévias, nem tão pouco, condições que cursassem com imunodepressão.  As alterações radiológicas, pelo menos inicialmente, eram restritas ao lobo médio ou lígula, na forma de bronquiectasias e/ou nódulos.

Os autores sugeriram que o mecanismo fisiopatológico para o desenvolvimento de tais lesões seria a repressão da tosse, por parte de mulheres excessivamente tímidas e reservadas, ou ainda forçadas a esse comportamento por imposições sociais e culturais. Esse hábito levaria ao acúmulo de secreções, principalmente em regiões susceptíveis a aspiração, com consequente estabelecimento de inflamação e facilitação de infecções.

É importante salientar que, Lady Windermere é jovem, com pouco mais de 20 anos de idade; o leque havia sido um presente de aniversário do marido e tem importância chave na cena de quase adultério na história sugere que a personagem reprimia a tosse por detrás de um leque.

Apesar das questões literárias, vale guardar a dica: Sempre pensar em infecção pulmonar por MAC em mulheres idosas, longilíneas e com tosse crônica. Se na história ainda houver referência a escarros com sangue esporádicos, perda ponderal lenta e alguns episódios de febrícula, o grau da suspeita será muito maior. Achados tomográficos de bronquiectasias e nódulos esparsos que contribuem enormemente na investigação.

Doenças como as infecções pulmonares, podem surgir de repente, e são comuns em crianças e idosos. Os tratamentos costumam ser longos e relativamente caros. Se a pessoa afetada possuir um bom plano de saúde, esse proceder permitirá um tratamento com mais velocidade e melhor acompanhamento médico.

A Síndrome de Lady Windermere é uma doença aguda e bastante incômoda, e não se deve esperar muito para iniciar o seu tratamento. Nesse contexto, não podemos contratar um plano de saúde qualquer quando o assunto é a saúde de nossos familiares, é por isso que a amil esta sempre alerta e pronta para oferecer os melhores planos de saúde do mercado.

Na amil a sua preocupação vira tranquilidade e as suas condições são sempre respeitadas. Não fique desprevenido, adquira agora um plano de saúde da amil saúde e tenha ao seu alcance a maior e a melhor rede de assistência médica do Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *